Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Conab indica queda na produção de soja e crescimento do milho nas lavouras do Tocantins

Conab indica queda na produção de soja e crescimento do milho nas lavouras do Tocantins

por cmf publicado 13/06/2019 14h23, última modificação 13/06/2019 14h23
Enquanto a soja teve redução de 6% no total de toneladas produzidas, o milho cresceu mais de 40% no ano. No balanço geral, produção de grãos deve superar a safra anterior.
Conab indica queda na produção de soja e crescimento do milho nas lavouras do Tocantins

milho

Milho ganhou espaço nas lavouras do Tocantins — Foto: Juliano Ribeiro/Seagro

A Companhia Nacional do Abastecimento (Conab) divulgou nesta terça-feira (11) o levantamento mais recente a respeito da safra de grãos 2018/2019 em todo o país. Os dados referentes ao Tocantins indicam que a produção de soja deve cair 6% com relação a safra anterior, mas que a queda será compensada pelo crescimento de outros grãos no estado.

Pela projeção da Conab, o estado deve colher mais de 4,7 milhões de toneladas de grãos. O resultado é 3,7% superior ao do ciclo anterior, quando foram colhidas 4,5 milhões de toneladas. A área plantada acompanhou o crescimento e aumentou 3% entre uma safra e outra.

 

Grãos em queda

 

A soja, que mesmo com a queda ainda é o principal produto agrícola do estado, deve representar 2,9 milhões de toneladas. Resultado 6% menor que os mais de 3 milhões colhidos no ano anterior. O efeito foi semelhante na produção de arroz, cultivado principalmente no leste e no sul do estado. Este ano, devem ser colhidos 623 mil toneladas, 1,7% a menos que as 634 mil de 2017/2018.

 

Grãos em alta

 

A queda da soja e do arroz foi compensada principalmente pelo milho. O produto é cultivado em duas safras distintas e juntas elas vão gerar cerda de 1,1 milhão de toneladas. Salto de quase 49% em relação as 767 mil toneladas de 2017/2018.